fbpx

Publicado em: 28 de julho de 2021


Agosto Dourado: A importância da amamentação

Agosto Dourado é como chamamos o mês dedicado à amamentação. O Agosto Dourado simboliza uma campanha em pró da consciência de mães e pais sobre a importância do leite materno na alimentação dos primeiros anos de vida dos bebês.

O Agosto Dourado foi criado em 2017 pela Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), com base na semana do aleitamento materno, que acontece de 1 a 7 desse mês.

São 31 dias em que a entidade que congrega os pediatras do País, estará buscando a sensibilização de profissionais e da população em geral para a importância do ato de amamentar, buscando o apoio e o estímulo a esse gesto“, divulgou a entidade.

Você também pode gostar de ler sobre:

A importância de amamentar

É através do leite materno que o corpo se desenvolve e é fortalecido na prevenção de diversas doenças. É um alimento essencial, pelo menos nos primeiros meses de vida, reduzindo assim o índice de mortalidade infantil, como divulga a OMS.

As crianças devem fazer aleitamento materno exclusivo até aos 6 meses de idade. Ou seja, até essa idade, o bebé deve tomar apenas leite materno e não deve dar–se nenhum outro alimento complementar ou bebida. A partir dos 6 meses de idade todas as crianças devem receber alimentos complementares (sopas, papas, etc.) e manter o aleitamento materno. As crianças devem continuar a ser amamentadas, pelo menos, até completarem os 2 anos de idade”, ressalta a Organização Mundial da Saúde.

Benefícios do leite materno – O leite materno contém todas as proteínas, gorduras, vitaminas, açúcares e água que uma criança precisa para se desenvolver, além dos anticorpos e glóbulos brancos que previnem as infecções e as doenças.

Benefícios da amamentação

Além dos benefícios nutricionais, o aleitamento materno traz para o bebê uma maior conexão entre a mãe e o filho, e ainda beneficia a saúde da mulher com um menor risco de câncer de mama e ovário, menor índice de fraturas de quadril por osteoporose e contribuição para o maior espaçamento entre gestações.

Diminui a ansiedade da mãe: Durante a amamentação, a mãe entra em completa sintonia com o bebê, que precisa de tranquilidade e calma para se alimentar. O momento, consequentemente, faz com que a mãe se acalme e desfrute a maternidade.

Aumenta a segurança: Principalmente para as mamães de primeira viagem, tudo é muito novo e a insegurança aparece. Porém, quando você amamenta, é perceptível a dependência que aquele ser tem de você, criando forças para confiar e fazer o melhor pela criança.

Favorece o emagrecimento: A amamentação também ajuda a mulher a restabelecer o peso ideal após o parto. Segundo estudos, o ato gera uma queima de calorias (cerca de 700 Kcal por dia), porque a ocitocina, hormônio produzido naturalmente pelo corpo, aumenta as contrações uterinas, reduzindo a queima natural de gorduras localizadas.

Prevenção da anemia: Durante a amamentação, a menstruação demora mais tempo para voltar ao normal e descer regularmente, sendo assim, a quantidade de ferro do organismo fica preservada por mais tempo, impedindo a anemia.

Fonte: SBP (Sociedade Brasileira de Pediatria)

Compartilhe também:

Você pode gostar de ler também

Varíola dos macacos: o que sabemos até então

Varíola dos macacos: o que sabemos até então

Sobre a varíola dos macacos Descoberta pela primeira vez em 1958, a varíola dos macacos teve seu primeiro caso de infecção apenas na década de 70, em uma criança na República Democrática do Congo. Ain...

Como hidratar cada tipo de pele?

Como hidratar cada tipo de pele?

Pele ressecada no frio? Por que isso acontece? Com a chegada do frio, é comum que a pele fique mais ressecada que o normal e isso se dá por conta de alguns fatores que contribuem diretamente para com ...

x

Precisando da 2ª via do boleto?

Digite o CNPJ e retire a 2ª via de boleto

Campo de preenchimento obrigatório

Boletos vencidos podem ser pagos em qualquer banco.