fbpx

Publicado em: 17 de agosto de 2023


Doação de leite materno: um gesto de amor que salva vidas

A doação de leite materno é uma prática essencial que pode fazer toda a diferença na vida de bebês prematuros e/ou de baixo peso que estão internados em UTIs neonatais. Além de ser fundamental para a recuperação desses pequenos guerreiros, a doação de leite humano também proporciona um desenvolvimento mais saudável ao longo de suas vidas. Neste artigo, vamos entender como qualquer mulher que amamenta pode se tornar uma doadora e conhecer o processo rigoroso pelo qual o leite doado passa antes de chegar aos bebês que precisam dele.

 

A importância da doação de leite materno:

A doação de leite materno é um ato de solidariedade que pode salvar vidas. Bebês prematuros e de baixo peso enfrentam inúmeros desafios em suas primeiras semanas de vida, e o leite materno é um verdadeiro elixir para sua saúde e bem-estar. Mesmo em pequenas quantidades, o leite humano pode fornecer os nutrientes e anticorpos essenciais para fortalecer o sistema imunológico desses bebês vulneráveis.

 

Quem pode ser doadora de leite humano?

A boa notícia é que qualquer mulher que esteja amamentando é uma potencial doadora de leite materno. Para ser uma doadora, é necessário ser saudável e não estar tomando medicamentos que interfiram na amamentação. Se você atende a esses requisitos, saiba que cada gotinha doada pode fazer a diferença na vida de um bebê prematuro.

 

Como fazer a doação:

Para doar seu leite materno a um banco de leite humano, é essencial seguir algumas etapas simples. Primeiro, você deve armazenar o leite em frascos de vidro de boca larga e tampa de plástico, que devem ser previamente higienizados com água e sabão, e depois fervidos por 15 minutos. Esse cuidado garante a qualidade e a segurança do leite doado.

 

Além disso, antes de fazer a coleta, é importante higienizar a mama com água e lavar as mãos com água e sabão. Use uma máscara sobre o nariz e a boca para evitar que gotículas de saliva contaminem o leite coletado. São pequenos gestos que fazem toda a diferença para garantir a saúde dos bebês que receberão esse leite tão valioso.

 

O processo rigoroso do leite humano doado:

O leite materno doado passa por um processo rigoroso antes de ser distribuído aos bebês internados nas unidades neonatais. A coleta é apenas o primeiro passo; em seguida, o leite é analisado, passa por um processo de pasteurização que elimina possíveis agentes nocivos, e é submetido a controle de qualidade para garantir sua segurança e eficácia.

 

Agosto Dourado – Campanha Nacional de Aleitamento Materno 

Para conscientizar e mobilizar a população em prol da importância do aleitamento materno, o Ministério da Saúde realiza anualmente uma campanha no mês de Agosto, incentivando também a doação de leite materno para garantir a saúde de bebês que não conseguem alimentar-se através da mãe.

Compartilhe também:

Você pode gostar de ler também

As principais doenças do século 21

As principais doenças do século 21

Com o avanço do tempo, a modernidade trouxe alguns fatores que são diretamente responsáveis por alguns transtornos psicológicos: uma rotina atribulada de muito trabalho ou estudo (ou até mesmo os dois...

x

Precisando da 2ª via do boleto?

Digite o CNPJ e retire a 2ª via de boleto

Campo de preenchimento obrigatório

Boletos vencidos podem ser pagos em qualquer banco.