Publicado em: 16 de abril de 2020


Coronavírus, COVID-19, Sars-Cov-2, Teste PCR… Conheça essas e outras nomenclaturas

Desde o início do surto até agora, já tivemos diversas nomenclaturas para nos referirmos ao novo coronavírus. Tanto na televisão, quanto nos jornais, algumas vezes ele é chamado de coronavírus, outras de Covid-19, Sars-Cov-2, além de epidemia, pandemia, dentre outros nomes complexos que podem afetar o entendimento para algumas pessoas.

Diante disso, criamos um sumário para ajudar na compreensão desses termos:

Sars-Cov-2

Esse é o nome escolhido pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para o vírus que se alastra por diferentes países desde o início de 2020, é uma abreviação (traduzida) de “Síndrome respiratória aguada grave do coronavírus 2”. O número “2” é atribuído porque já existe o Sars-Cov-1” que atingiu a China no ano de 2002.

Coronavírus

Essa é a forma simplificada de falar Sars-Cov-2. Tem o mesmo significado, de se referir ao vírus, mas chamando somente pelo seu último nome. Além disso, às vezes, também pode ser chamado de “Novo Coronavírus”, isso porque a família desse vírus é grande, incluindo o já citado Sars-Cov-1, o Mers e outros que causaram infecções em diferentes épocas. Por ele ser o mais recente, é chamado de “Novo”.

Covid-19

É o nome, não mais do vírus, mas sim da doença, ou seja, ao ser contaminado pelo coronavírus, você pode desenvolver a doença Covid-19, sigla que traduzida significa “Doença do Coronavírus” e o “19” faz referência ao ano em que foi descoberta.

Identificando os sintomas

Epidemia, Pandemia e Surto

No momento em que a doença foi descoberta, ela estava instaurada em apenas um país, a China, mas já dominando várias regiões por lá, a partir desse momento ela é chamada epidemia.

A pandemia é decretada quando uma epidemia se espalha por várias regiões do mundo, como foi o caso do coronavírus, a partir do dia 11 de março de 2020, quando já tinha se instaurado por quase todos os continentes.

Já o surto, é quando ocorre um aumento inesperado dos números de casos em um local específico, em que tal quantidade seja superior ao estimado pelas autoridades.

Teste rápido e teste PCR

O PCR é um teste de alta precisão, mas com um resultado lento, que, atualmente, com a alta demanda, demora aproximadamente 7 dias para obtenção do resultado. Já o teste rápido, demora em torno de 10 a 30 minutos, porém com menor precisão. O teste rápido é recomendado apenas para triagem de pessoas que apresentem os sintomas, mas que não façam parte do grupo de risco. Os dois testes podem ser feitos por meio da coleta de sangue.

Caso suspeito, confirmado ou descartado

O caso suspeito é uma pessoa que apresenta os sintomas ou que teve contato com contaminados, mas não tem o resultado do teste que comprove a doença. O confirmado é quem passou pelo exame e o resultado deu positivo para a doença. Já o descartado, é que apresentou os sintomas, fez o exame, mas deu negativo, o que significa que provavelmente esse paciente está com alguma outra doença com sintomas parecidos ao coronavírus, como a influenza.

Assintomático

Especialistas acreditam que a grande maioria dos casos de pessoas infectadas pelo coronavírus sejam assintomáticas, ou seja, estão contaminadas, mas não apresentam sintomas. O ponto negativo é que muitos podem estar contaminados e sequer saberem, tomando assim menos cuidados e, por consequência, podendo mais facilmente transmitir a doença. [Por que idosos e pessoas com determinadas doenças são mais suscetíveis ao vírus?]

Quarentena e isolamento

Para casos suspeitos, confirmados ou pessoas vulneráveis, uma tática para conter a disseminação é o isolamento onde a pessoa deve ficar em casa ou em um hospital por um período de 14 dias. A quarentena ocorre quando há um decreto, emitido por um órgão público, para fechar comércio ou atividades públicas, com intuito de evitar grandes aglomerações. Apesar do nome, não necessariamente deve durar 40 dias.

Com essas informações, fica mais fácil compreender sobre a doença, além da importância e necessidade das medidas de prevenção.

Compartilhe também:

Você pode gostar de ler também

Amamentação: dicas e cuidados sobre como amamentar

Amamentação: dicas e cuidados sobre como amamentar

Agosto é o mês dourado, simbolizando o incentivo à amamentação, prática de grande importância para o desenvolvimento dos bebês. A cor faz referência aos momentos de ouro e a qualidade do leite materno...

x

Precisando da 2ª via do boleto?

Digite o CPF e a Data de Nascimento e retire a 2ª via de boleto

Campo de preenchimento obrigatório

Boletos vencidos podem ser pagos em qualquer banco.